domingo, dezembro 5, 2021

Gripen para o Brasil

Array

Mascote do 1°/4° GAV chega a Manaus

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Símbolo do instrutor na aviação de caça, o bulldog Tetéu já está na sua nova casa. A bordo de um AT-26 Xavante do 1°/4° GAV, o voo com o mascote do Esquadrão Pacau pousou na Base Aérea de Manaus (AM) nesta segunda-feira (22/11). A chegada marca o início da transferência da unidade de caça de Natal (RN) para a região Norte do país.

No caminho, as duas aeronaves fizeram uma escala em Fortaleza, onde o 1°/4° foi criado em 1947. Foi ali que o Esquadrão se destacou pela tarefa de formar líderes da aviação de caça. A missão deu à capital cearense o apelido de “A Sourbonne da Caça” e à bolacha do 1°/4° GAV a imagem do Tetéu como o instrutor que avisa aos seus alunos: “Tô Lhe Manjando”.

Transferido para Natal em 2002, o Esquadrão Pacau é hoje a última unidade de caça da Força Aérea Brasileira a operar os jatos AT-26 Xavante. Mas, além da mudança de sede, a unidade também receberá novas aeronaves. Depois de voar com os A-28, B-25, P-47, F-80, TF-33 e, desde 1973, com os AT-26, o 1°/4° GAV já deve voar em Manaus com seus novos F-5EM. O último voo dos Xavantes está programado para o dia 3 de dezembro.

FONTE: Agência Força Aérea

SAIBA MAIS:

BATE-PAPO ONLINE: converse com outros leitores sobre o F-X2 e a Aviação de Caça da FAB no ‘Xat’ do Poder Aéreo, clicando aqui.

Previous articleFX-2 ainda indefinido
Next articleParabéns!
- Advertisement -

31 Comments

Subscribe
Notify of
guest
31 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Zorann

Gostaria de perguntar:

Quantas unidades ao todo deverão utilizar os F-5E/FM?
Os F5 que foram comprados da Jordânia, já existe um cronograma para a modernização?
Se alguem souber, como será a dotação de aeronaves de cada esquadrão, visto que são 46 F5 + 11 da Jordânia

Robson

são 3 coelhos com uma cajadada só, troca dos caçados Xavantes, mudança de natal pra Manaus, e de quebra teremos patrulha aérea com “novos” caças na Amazônia.

grifo

Muito legal ver o Tetéu na nacele traseira 🙂

Quantas unidades ao todo deverão utilizar os F-5E/FM?

Caro Zorann, até o momento serão quatro esquadrões: 1/1, 2/1 (ambos BASC), 1/14 (BACO) e 1/4 (BAMN).

O destino dos jordanianos deve depender do cronograma de modernização e do cronograma do FX-2. Do jeito que as coisas vão acho que vão acabar indo todos para Anápolis…

rodrigo ds

Rapaz!!! Jurava que os xavantes já estavam todos aposentados

Zorann

valeu Grifo

Devo supor que serão cerca de 10 aeronaves por esquadrão, dando preferencia aos F 5F para Manaus

Joker

Eu cresci ouvindo os xavantes passarem a todos os horarios do dia e da noite, vai fazer falta ve los nos ceus!

ivo

Primeira vez que vi um caça de verdade,foi o xavante do Pacau,passando aqui por João Pessoa.Uma continência ao Pacau,e ao xavante.

<o

João Bosco De Oliveira Júnior

Só uma dúvida (Embora meu pai tenha sido instrutor em Fortaleza; eu nada sei acerca de aviação… Sou somente um admirador):
O Nordeste ficará sem caças?
Primeiro transferem o 1º do 4º de Fortaleza para Natal, deixando Bandeirantes no lugar de Xavantes… Depois transferem o 1º do 4º de Natal para Manaus…
Nordeste sem defesa? É isso?
Parabéns a todos do PA. Visitando o PA, à cada dia torno-me menos ignorante acerca do tema.

Joker

João Bosco

Tecnicamente quem fica no NE é o 2/5 “Joker”…

João Bosco De Oliveira Júnior

JOKER…
Como eu disse: “nada sei acerca de aviação” et all

Onde fica o 2/5?

Creio que, independente da Análise de Inteligência por trás dessa decisão de “empobrecer os céus do nordeste”, devemos nos atentar ao “fator pré-sal”.
Tal “empobrecimento dos céus nordestinos” não deixaria o Governo Federal vulnerável na dita importância estratégica do Pré-Sal?

Joker

Pre sal nordestino ainda está sendo pesquisado na bacia potiguar…

2/5 fica em Natal-RN

CmteLucasM

Saudade do Pacau aqui em fortaleza =/

maxi

Cresci em fortaleza, e sempre me maravilhava com quando um xavante pasava na nossas cabeças, e sempre quando ia ao aeroporto sempre o vias decolando ou aterrisando, e tive a honra de estar em um prédio proximo e vi toda a transferênca do 1/4 para natal .Nesse dia eu vi A-1 e F-5, e depos desse tempo só bandeirantes passam nos céus do meu ceará.Um Pena grande !

hms tireless

Seja bem vindo aqui em Manaus Pacau!

Paulo Progênio

Olá,pessoal, não sou um nenhum grande conhecedor sobre o assunto da vinda do esquadrão Macau para Manaus, e fico triste em saber que os céus do nordeste esta um pouco mais desprotegido, mas era necessário a criação ou transferência de um esquadrão de aviação de caça para Manaus, acredito que entre as várias necessidade estão,protege os vários campos de petróleo que estão sendo a muitos anos sendo estudados,e agora com advento das tecnologias estão sendo explorados, isto porquê a bacia sedimentaria da Amazônia esta sobre um imenso pré-sal com mesma formacão geologica do pré-sal da plataforma continental, contrabalancia a militarização… Read more »

SABRE

Bom em relação ao pré-sal creio que o nordeste não está desprotegido, afinal os P3M Orion vão para Salvador, sendo que estes cumprem ao papel de proteger e vigiar o pré sal melhor que o F5M,tecnicamente não vamos proteger o pré sal de caças, e sim de navios ou sub, mas se alguém mandar uma NAe acredito que em horas toda a frota de caças da FAB chegam ao litoral, já a NAe levará dia para chegar próximo ao nosso litoral, e na prática os principais poços, ficam no RJ e ES, e no RJ tem aviação de caça e… Read more »

SABRE

Hehehehe legal pensei que esse bulldog fosse só um desenho numa bolacha, mais não é que o bicho existe e sabe voar mesmo!Tomara que ele não dê uma de doido e queira ficar passeando na selva,pois vai virar comida de onça!Todo esquadrão deveria ter uma replica assim dos mascotes muito legal!

SABRE

Reunia todos num briefing, ia ficar legal!

Gustavo Krepke

Senhores Desculpa aos mais sensiveis…. Mas eu nao tenho nenhum tipo de saudosismo pelos Xavantes. O Uso dos Xavantes e a materializacao do atrazo do Brasil e da obsolecencia da FAB. Os Xavantes…. Ja se vao TARDE!!! Outra coisa… Nao estou certo de que transferencia de esquadroes para a Amazonia seja o Melhor para o Brasil…. Nao creio que Tenhamos de trasnferir… e sim CRIAR NOVAS UNIDADES… Pensem no Tamanho do Pais…. vestir um despindo o outro nao e a melhor saida… Precisamos de um novo vetor… (leias-se o encantado FX2)… substituir a obsolecencia voadora que temos… e criar novos… Read more »

Alberto

O xavanteco deixa saudades…

Leandro

La se vai o Xavante…
Espero que logo logo ele esteja no MUSAL!
Acho que logo logo teremos a seguinte composição de caças no Brasil:
F-5EM em Manaus, em Canoas, Santa Cruz e Anápolis!
Fica uma pergunta, porque não transferir a Base aeronaval de São Pedro D`Aldeia (RJ) para o Nordeste?

Eron

Leandro,

Já existe um exemplar de um Xavante no Musal faz tempo…

Robson Br

É uma pena transferir este esquadrão para Manaus. Deveria ser criado um outro esquadrão. De qualquer modo o nordeste perde duas unidades operacionais. Uma foi para Porto Velho (Poti) e outra vai para Manaus (Pacau).

Desde que o esquadrão pacau passou de uma unidade de treinamento para uma unidade operacional e com nova sede em natal, tinha esperança que Natal fosse transformada em uma grande base aérea.

Bem como consolo, poderia transferir o 2º/1º de santa cruz para lá, com a chegada do FX-2.

@wagner

Galera, entendam, o Norte é bem mais vulnerável do que o Nordeste, tem que mandar caça para lá, o Nordeste é quase inacessivel para caças inimigos, pois teriam de percorrer um longo caminho, entrando pelo proprio norte ou pela costa, mas daí o proprio esquadrao do norte iria deter um inimigo.

O Nordeste e Sudeste são menos vulneráveis a ataques continentais,. mas as demais regiões fazem fronteira com outros estados e necessitam de uma minima força interceptadora. A FAB está correta. E tem sukhois ( inoperantes) na Venezulea e Migs 29 no Peru ( bem operantes…).

SABRE

Na verdade essa vai ser a primeira unidade de caça(espero que não a última), numa região que corresponde a mais da metade do país, já estava passando da hora!

Fred

Gustavo Krepke :

“Nao creio que Tenhamos de trasnferir… e sim CRIAR NOVAS UNIDADES…”

Perfeito!

As grandes verdades sempre são ditas em pequenas frases…

Jorge Silva

Mesmo sendo menos vulnerável é preciso ter um esquadrão de caça no Nordeste, é o ponto mais próximo da Europa e o primeiro ponto de passagem de um PA americano, eles simplesmente percorrem 40% da costa brasileira sem encontrar uma unidade de caça nossa. Mesmo não sendo inimigos, fica flagrante para as forças estrangeiras a lacuna na nossa Defesa Aérea.

André Castro

Off-topic ,Um Rafale F-3 do Charles de Gaulle caiu no mar na costa do Paquistão .

http://www.lepoint.fr/fil-info-reuters/un-rafale-francais-s-abime-en-mer-au-large-du-pakistan-28-11-2010-1267925_240.php

SABRE

Jorge Silva, para mim os estados do nordeste eram mais próximos da Africa ,ficando os estados do norte do Brasil mais próximos dos EUA e Europa!Algum estado nordestino é cortado pela linha do Equador?Não, mas temos os Estados do Amapá,Pará, Roraima e Amazônas cortados pela linha do Equador, logo eles estão mais próximos da Europa, Olhe o mapas que vai perceber o que estou dizendo!Saudações

SABRE

Teoricamente se vc “esticar os estados do nordeste em direção leste até que os mesmo toquem no litoral do Peru(volta no globo terrestre), vêra que a distância que interressa é a Norte-sul e não leste-oeste,em relação a próximidade do Continente Europeu

Últimas Notícias

Irã diz que explosão acima de Natanz faz parte de treinamento militar

A explosão relatada coincide com uma crise nas negociações sobre o programa nuclear do Irã A mídia iraniana no sábado...
- Advertisement -
- Advertisement -