segunda-feira, novembro 29, 2021

Gripen para o Brasil

‘Blackbird’

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Blackbirds

Leia matéria sobre como era voar uma missão no SR-71 Blackbird, clicando aqui.

COLABOROU: Leo Nishihata

- Advertisement -

62 Comments

Subscribe
Notify of
guest
62 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Edgar

Espetacular a foto, Galante. Pena que o projeto foi abandonado devido aos altíssimos custos, foi realmente uma aeronave muito à frente de seu tempo.

Contentemo-nos apenas com os U-2 agora. 🙂

RatusNatus

Eu comecei a me interessar por aviação devido a este belíssimo pássaro negro.

Nesta época, o melhor era o que ia mais alto e a maior velocidade. Esse era o mais rápido. Foi o melhor do seu tempo.

Clésio Luiz

Quem for ler o texto, pelo amor de Deus não leve a sério as conversões que o tradutor do texto fez dos números Mach para km/h. O cara simplesmente pegou o valor de Mach 1 ao nível do mar (~1.224km/h) e fez suas contas, sem levar em consideração que a velocidade do som a grande altitude, que é onde o Blackbird voa suas missões, é consideravelmente menor que ao nível do mar. E ainda teve gente lá duvidando de mim. E por falar nisso, enquanto eu pesquisava para dar respostas lá, fiquei chocado ao descobrir que os sites das forças… Read more »

Marcelo Tadeu

Foi um avião espetacular!!! Ainda tenho o volume 1 de “Aviões de Guerra” , onde no fascículo 3, se não me engano, era sobre esta máquina. Um dos símbolos da guerra fria. Desculpem a nostalgia, mas é que até hoje ainda não lançaram uma coleção tão rica em detalhes quanto aquela.

RenanZ

SR-71 Blackbird….

Esse sim é um nome de respeito!

Ainda me causa um certo calafrio ao ler sobre esta aeronave, fiquei pasmo ao saber que sua velocidade máxima era limitada à MACH 3.6 apenas por causa da integridade estrutural de seu canopy!

Fluido hidráulico que se congelava a uma temperatura inferior a 30ºC
Combustível JP-7, tão volátil quanto água….
Altitude operacional de 27 km
Velocidade de até 1km/s

E tudo isso feito pela tecnlogia dos anos 60
Imagine o que de tão avançado há hoje ?!?!?!?!

Tomcat

Galante, e o crédito pela sugestão de post? 🙂

[ ]’ s

Justin Case

Clésio, boa noite.

Sobre o assunto, complemento:
A velocidade do som no ar varia de acordo com a temperatura.
Podemos observar que a diferença não é tão grande assim. Veja a tabela de velocidade do som para as condições padrão (ISA).
http://home.iae.nl/users/wbergmns/jetmach1.htm
Veja que a velocidade do som se mantém constante a partir da tropopausa (altitude > que 36.000 pés, onde passamos a ter temperatura constante).
Abraços,

Justin

“Justin Case supports Rafale”

Alexandre Galante

Tomcat, obrigado! 🙂

Tomcat

Renanz, Sem querer desmerecer os engenheiros atuais, os da década de 60 eram sinistros. Na base da régua de cálculo e utilizando computadores mais limitados que a calculadora xing-ling do camelô da esquina, construiram obras de arte como o B-58 Hustler, XB-70 Valkyrie, SR-71 Blackbird, entre outros, e ainda mandaram o homem à lua. Não tenho dúvidas de que, se este esforço continuasse, já estaríamos em Marte faz tempo e o ano 2000 seria muito parecido com o mundo dos Jetsons… 🙂 Muito se deve à corrida armamentista da guerra fria e hoje não há cenário político que demande esse… Read more »

Tomcat

Valeu, Galante! 🙂

Alex

homem a lua, onde e quando…

Clésio Luiz

@Justin Case

Na verdade tem mais a ver com a densidade do meio em que o som se propaga. Quanto mais denso o meio, mais veloz é sua velocidade. Obviamente, a densidade do ar varia de acordo com a temperatura, mas também umidade. O som se propaga velocidades fantásticas em meios mais densos que o ar, como a água do mar ou os trilhos de trem.

Wilson Giordani de Souza

(…)

homem a lua, onde e quando…

(…)

Ai meu Deus…

Alexandre Galante

Como eu sofro…

Danilo

Incrivel o relato do piloto, parabéns por divulgar a todos nós !

Sem palavras …

jomado

…o homem nunca teve na lua, foi uma armação dos yankes, deu na globo esses tempos…

jomado

…oque que é “Jetsons”?

Vilas Nobre

“Wilson Giordani de Souza disse:
14 de abril de 2010 às 20:12
(…)

homem a lua, onde e quando…

(…)

Ai meu Deus…”

!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!??????????????

Tecnocop

Bela história e depoimento do piloto do Sr-71.Parabéns ai por compartilhar conosco tal informação.

Marco Nunes

O mais lindo avião de todos os tempos. Sem contar o quanto ele estava à frente do seu tempo.

É de emocionar!

Vilas Nobre

“jomado disse:
14 de abril de 2010 às 20:31

…o homem nunca teve na lua, foi uma armação dos yankes, deu na globo esses tempos…”

espero que esta tenha sido uma ironia…

jomado

….será que o sarkozy não deu o santo daime pro lulinha….sei-lá tenho minhas desconfianças….

HARPIA

Acho que esse trecho ficou meio esquisito.

A velocidade contiua a aumentar, mas durante esse trecho da rota, não tenho humor para puxar os manetes para trás. A voz de Walt fura o silêncio do cockpit avisando sobre mais sinais de mísseis lançados. A gravidade da voz de Walter me diz que esses sinais são mais válidos que os outros. Em poucos segundos ele me pede para empurrar tudo.

“EMPURRAR TUDO??????”

Tô começando a achar que isso é um “conto erótico a bordo de um BLACKBIRD nas alturas”.

Desculpem amigos, mas foi mais forte que eu, rsrs… 😀

jomado

“jomado disse:
14 de abril de 2010 às 20:31

…o homem nunca teve na lua, foi uma armação dos yankes, deu na globo esses tempos…”

espero que esta tenha sido uma ironia…

Não, é uma afirmação!…eles tavam perdendo a corrida espacial para os russos, então usaram de um artificio, fizeram um filme do homem chegando a lua…até os russos cairam, só foram descobrir depois, mas dai eles calaram para não serem motivo de chacotas(só foram descobrir anos mais tarde o embuste) da comunidade internacional !

Nick

Sou fan da velocidade, e quando li o relato do piloto a mach 3.5…que inveja…

Aeronvae tão fantástica que serviu para filmes como X-MEN e Transformers. O design dele é incomparável, uma peça de arte.

Fantástica Aeronave, relato impressionante do piloto,

parabéns ao Blog e ao Tomcat!

[]’s

Matheusts

Bem é bom ouvir materias assim envés de debater e falar com funciona uma aronave ou mesmo como ela mata.

Pra mim é um sonho ser piloto mais eu não quero matar com um avião
mais sim apreciar as manobras e sua velocidade incrivel.
Eu com uma aronave ao menos sob o meu controle nem que seja por miseros segundos seria um sonho realisado para mim.

Rodrigo

Impressionante…

Pra mim, esse piloto é um dos homens mais sortudos do planeta, eu trocaria um prêmio da Mega-Sena para ter a experiência que ele teve.

jomado, quais são as razões que o fazem acreditar que o homem não foi a Lua? Quais são os argumentos que o levam a essa opinião?

robert

o galante vai ter que fazer uma votaçao ali do lado:

Afinal, o homem foi ou nao foi á lua?

( ) SIM

( )NÃO

eu mereço….

Tomcat

Rodrigo,

Se não quiser perder toda a Mega-Sena, na Rússia existem vôos de Mig-25 comercializados, Dá para fazer alguns vôos e ainda sobram uns trocados. Você voa a quase Mach 3 e a uns 25.000 m! Dá para ver a curvatura da Terra!

Mas não é o mesmo que ser piloto de Blackbird…

[ ]’ s

The Captain

Galante, estes caras que perguntaram: “Homem na lua, onde e quando?”, tão de sacanagem conosco, né?

Digo: Não é possível que aqui, em sã consciência tenha alguém que apreciando tecnologia, e é isto que apreciamos em essência na trilogia, não creia que o homem foi à lua.

Edgar

Uma pergunta interessante: Em nossa década, no auge dos satélites, estas aeronaves ainda teriam utilidade? Talvez numa possibilidade de redundância a sistemas baseados em satélites, não deixando o Estado dependente apenas de uma tecnologia?

Fica aí a sugestão de debate.

Guilherme Poggio

Justin Case e Clésio Luis O fator primordial para a velocidade do som não é a temperatura e nem a densidade do meio, mas sim a “elasticidade” do meio. Esse assunto foi abordado por mim quando escrevi o (ainda inacabado) texto “Guia de gerra antisubmarina”. Vejamos o item 3.2 do referido texto: 3.2 VELOCIDADE DO SOM O conhecimento da velocidade do som é importante para a Guerra Anti-Submarina porque a variação da mesma afeta a transmissão e pode significar a existência de refração ou absorção do som. Geralmente as pessoas que possuem um pouco de conhecimento aeronáutico sabem que a… Read more »

Edgar

Ah sim, sobre a Lua, totalmente off-topic, obviamente que o homem nunca foi à Lua e foi tudo armação do império capitalista do mal, afinal, a nação mais poderosa à leste de Greenwich, que possuía todo o mapeamento de Vênus, pioneira na exploração e envio do homem ao espaço, foi totalmente ludibriada pelo filme “impecavelmente” produzido por Holywood. Fala sério, dizer que o homem não foi à Lua é duvidar da inteligência dos próprios astrônomos e engenheiros soviéticos. Este pessoal anti-americano precisa de mais argumentos concretos ou que se fixem em atrocidades e mentiras realmente feitas pelo governo americano. Ah… Read more »

Justin Case

Valeu, Poggio.

Concordo.
Grato por ter expandido o assunto para um universo mais amplo.
Estávamos restritos à velocidade do som no ar.
Quando finalizar o documento, por favor disponibilize o link para nós.
Abraço,

Justin

“Justin Case supports Rafale”

The Captain

Alguém saberia dizer se o “Aurora”, que presumivelmente teria substituído o Blackbird, tem realmente alguma chance de existir ou ter existido?

Guilherme Poggio

Justin Case

Esse é o problema. Não sei se vou terminar algum dia. O texto começou a crescer e crescer, incorporando logarítimos e Lei de Snell, ou seja, não vende bem.

Duvido que tenha público. E se tiver, será para os especialistas que acharão o texto muito básico.

Leonardo Besteiro de Almeida alves

Só quero dizer uma coisa. Obrigado ao Poder Aéreo pela possibilidade de ler algo tão bacana e emocionante. Vocês estão de parabéns, sempre nos surpreendendo com matérias super legais e oportunidades fantasticas. Novamente parabéns e uma salva de palmas ao Poder Aéreo!!!

Amdré Castro

Este avião parece ter saido de um filme de ficção científica

JapaMan

Belíssima Aeronave, meu Deus!!! essa foto esta incrível, comecei a me interessar por aviões graças a esse avião.

Clésio Luiz

Voltando ao Blackbird, quem se arrisca a dizer os modelos expostos na foto do artigo?

Clésio Luiz

Me refiro as versões do Blackbird, não os cargueiros ao fundo 🙂

Galileu

“ahahahha trocaria a mega-sena para ser piloto.”

Não faça isso companheiro como o colega disse, paga pra mãe russia que eles dão voltinah de mig 25, e a velo é quase igual

Vitor

Blackbird! Verdadeiro opalão. Fica até vazando oleo na garagem depois de uma voltinha.

RAF

Sou apaixonado por esse avião, na minha opinião a maior lenda da historia da aviação. Esse superou em muito seu tempo.

Obs: Também trocaria a loteria por um desses.

Pedro

Esse virou lenda… o terror dos comunistas.

ABRAÇOS.

black_762

Matéria excepcional. Fechei bem a noite.

Paulo Costa

Um dos ultimos trabalhos do Blackbird,era fotografia lateral na Europa Oriental,existia um esquema de voo,em que de Mach3,reduzia a Mach .8
para reabastecer,novamente com combustivel,acelerava a Mach3 de novo,e assim por varias vezes no percurso,sem contar os misseis e
aviões do antigo pacto de Varsovia que tentavam derrubar o SR-71.
A fuselagem era de titanio corrugado,que expandia na velocidade maxima devido ao calor da fricção.O maior desafio do SR-71 era
o calor gerado pelo mach 3.0…

Bosco

Por ser uma unidade de medida “variável” não é interessante na prática se usar o número Mach como unidade de velocidade quando se deseja informar a velocidade de uma aeronave Para tanto o uso de “metros por segundos”, “quilômetros por hora”, “nós por hora”, etc, é mais conveniente. Dizer que um Concorde está a Mach 2 não nos informa sua velocidade real já que o mesmo só conseguia fazê-lo a mais de 12.000 metros de altitude, onde a onda de choque sônica se dá muito mais “cedo” do que se estivesse ao nível do mar, ou seja, ele estará bem… Read more »

Alecsander

Cara o Blackbird é uma aeronave incrível, fantástica e sensacional, diz à lenda que quando os seus engenheiros o apresentaram pela primeira vez em 1962 para seu piloto de teste, o piloto deu uma boa olhada no SR-71, saiu para fora e passou a mão no rosto como se não estivesse acreditando no que estava vendo. Imaginem só, uns 40 anos antes, as pessoas ainda cruzavam o atlântico em navios, e voavam em dirigíveis, e do nada aparece uma aeronave mais extraordinária que qualquer espaçonave imaginado pelos diretores de filmes de ficção cientifica. Isso deixaria o cara desconcertado mesmo, para… Read more »

Theo Gatos

FANTÁSTICO post e LINDA foto ! ! ! Nossa que inveja! E nós discutindo 36 caças… Desse jeito potência o Brasil não será tão cedo… Sabe o que seremos no futuro? Seremos o país do futuro! É triste, mas é verdade, eternamente o país do futuro… Com esse pensamento que nossos líderes tem vai ser complicado o mundo olhar pra nós com uma opinião diferente da famosa frase do Charles De Gaulle! Aliás deixando esse pessimismo todo de lado e falando com o lado emocional mais do que racional, preferia ToT do Blackbird do que o Rafale ou Gripen ou… Read more »

Últimas Notícias

O Gripen E vai igualar e, em muitos casos, ser melhor do que os atuais caças de quinta geração, afirma o Chefe da Força...

A Saab apresentou os seis primeiros Gripen E produzidos em série e que em breve ficarão prontos para a...
- Advertisement -
- Advertisement -