domingo, dezembro 5, 2021

Gripen para o Brasil

Super Puma espanhóis no Afeganistão: 3.000 horas de MEDEVAC

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Helis Espanhóis 3000 horas Medevac - foto ejercito del aire

O Ejército del Aire (Força Aérea Espanhola) informou nesta segunda-feira, 4 de janeiro, que no final do ano passado seus helicópteros Superpuma atingiram a marca de 3.000 horas de voo em missões MEDEVAC (Evacuação Aeromédica) no Teatro de Operações do Afeganistão.

A marca foi alcançada em 21 de dezembro de 2o09, em um voo rotineiro do Superpuma AD 21-11 do destacamento HELISAF do Ejército del Aire. Para celebrar o evento, a aeronave reuniu-se no céu ao terceiro Superpuma destacado em Herat e a um Cougar do Ejército de Tierra, realizando um breve desfile aéreo sobre Camp Arena. Nessas 3.000 horas de voo, o HELISAF realizou um total de 280 missões de Evacuação Aeromédica, transportando 529 feridos.

Helis Espanhóis 3000 horas Medevac - foto 3 ejercito del aire

Helis Espanhóis 3000 horas Medevac - foto 2 ejercito del aire

FONTE / FOTOS: Ejército del Aire

- Advertisement -

7 Comments

Subscribe
Notify of
guest
7 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
F.Caetano

Essa é pra quem adora dizer que os EC-725 Caracal que o Brasil adquiriu são um lixo, tá aí a prova do contrário.

Abs.

Andre de POA

Pq os castelhanos escreveram Fuerza aerea e não ejercito del aire? Vai entender esse pessoal do Barça..

Jorge L.

Acho esses Helicópteros muito bacanas, mas esse Cara ai, pulando do Superpuma, tá parecendo uma bixona!

matheus

Venho defendendo que o Brasil envie ao Afeganistão homens e armamentos das três forças, assim aprenderíamos a lutar em condições adversas muito diferentes das que ocorrem no Brasil. Assim como no Haiti, aprenderíamos muito sobre o combate no deserto melhorando nosso treinamento. Ir para o Afeganistão é uma oportunidade única para nossas três forças.

Marine

Nao prova nada….participacao nao e o mesmo do que performance de nota. O pessoal esta com mania de que qualquer coisa que esteve em teatro de guerra e excelente, fuzil X esta no afeganistao entao e excelente, aviao Y atuou no Iraque entao e comprovado que presta, colete W e usado por unidade Y que esta no Iraque entao e de primeira linha… Uma coisa nao tem nada a ver com a outra, as coisas nao sao tao simples assim, na verdade a maioria desses equipamentos sao utilizados nao porque sao os melhores que existem mas simplismente porque sao os… Read more »

Mauricio R.

Mas o Caracal francês já não está mais voando no Afeganistão.
E qnto ao Super Puma/ Cougar, a FAB principalmente está cansada de ver o Black Hawk coloca-los no bolso.

Denis

Não é tão fácil colocar o super puma no bolso, o super puma ja provou sua capacidade, nao so nessas operações mas tambem em operações de salvamento, o super puma ja voou varias vezes com ventos de mais de 100 km/h, e ja chegou a resgatar 31 pessoas em uma só viagem, em missão SAR.

Últimas Notícias

Irã diz que explosão acima de Natanz faz parte de treinamento militar

A explosão relatada coincide com uma crise nas negociações sobre o programa nuclear do Irã A mídia iraniana no sábado...
- Advertisement -
- Advertisement -