Centro Logístico da Aeronáutica e USP firmam parceria inédita

Centro Logístico da Aeronáutica e USP firmam parceria inédita

258
1
SHARE
Embraer KC-390

CELOG parceria USP - foto FABO Centro Logístico da Aeronáutica (CELOG) e a Escola de Engenharia de São Carlos, da Universidade de São Paulo (USP/EESC), por meio de seu Departamento de Engenharia Aeronáutica, localizado em São Carlos, no interior de São Paulo, assinaram um convênio inédito para cooperação em várias áreas.

No documento, estão previstos reserva de vagas na USP/EESC para membros da Força Aérea Brasileira cursarem mestrado e/ou doutorado em linhas de pesquisa de interesse da FAB; desenvolvimento de projetos de pesquisas aplicadas de caráter tecnológico para novos produtos e processos de itens nacionalizados; prestação de serviços de análises laboratoriais, objetivando promover a nacionalização e o desenvolvimento de empresas nacionais; desenvolvimento de itens aeronáuticos de interesse comum como, por exemplo, a produção de pequenas aeronaves não tripuladas e peças nacionalizadas; fomentar a pesquisa científica e tecnológica em parceria com instituições públicas ou empresas privadas; consultoria para elaboração de propostas de transferência de tecnologia (“off set”); e cursos de especialização nas Organizações Militares de manutenção da FAB que manifestarem interesse.

Para Diretor do CELOG, Brigadeiro-do-Ar Edgard de Oliveira Junior, São Carlos tem uma área de excelência na cultura de engenharia aeronáutica e mecânica. “E isso para a FAB é muito importante porque vamos interagir para absorver conhecimentos para dominar novas tecnologias”. A parceria foi firmada no dia 24 de novembro, alinhada aos interesses do Comando Geral de Apoio na busca por desenvolver do fomento da indústria nacional, através da interação de projetos e processos de fabricação de itens de suprimento de aeronaves e equipamentos de apoio.

FONTE / FOTO: CELOG, via FAB

1 COMMENT

  1. Grande notícia. Não se pode pretender absorver tecnologias sensíveis só com o interesse imediato da indústria.
    A Escola de Engenharia de São Carlos é um dos centros de excelência que vai manter e desenvolver este conhecimento.

LEAVE A REPLY