Home Sistemas de Armas O Brasil adia mais uma vez o F-X2 e a Venezuela mostra...

O Brasil adia mais uma vez o F-X2 e a Venezuela mostra o Su-30MKV com AA-10

480
89

Su-30MKV com AA-10

Enquanto as decisões sobre Defesa no Brasil caminham a passos de cágado, a Venezuela já equipou seus caças Su-30MKV com o míssil AA-10 Alamo (R-27), conforme foto de Juan Jose De Gouveia Blanco, divulgada no Airliners.net.

É uma irresponsabilidade dos nossos governantes deixarem os pilotos da FAB apenas com o F-5EM dotado de míssil Derby, enquanto Chávez se equipa com uma aeronave de combate muito superior e com um míssil que pode chegar a mais de 130km de alcance!

COLABOROU
: Carlos Eduardo Nascimento

89
Deixe um comentário

avatar
89 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
19 Comment authors
MARCELJoão Paulo carusoWesleycasagThierry Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
ZE
Visitante
ZE

Fiquem calmos. A Venezuela não tem capacidade, seja política, seja econômica para atacar o Brasil. A popularidade do Comandante Chávez está caindo. Suas indústrias estão sucateadas, e em especial, a jóia de sua coroa: A PDVSA. Ele não é burro, e sabe que para manter certo medo em sua população, há que se escolher um inimigo. Como sabemos, tal inimigo já foi escolhido há tempos. Trata-se do Grande Satã do Norte (EUA) e seu ajudante local (Colômbia). Se ele continuar sucateando a jóia de sua coroa, não haverá dinheiro para a manutenção digna desses vetores. Atualmente em Caracas, já está… Read more »

Felipe Cps
Visitante
Member
Felipe Cps

Bem, mas que é bonito o bicho é. E assusta.

Mas “não priemos cânico” 🙂

Sds.

Edmar
Visitante
Edmar

Oi a todos os Amigos do Blog.

Caros amigos.:

Eu concordo com o Amigo ZE e tem mais, se por ventura a Venezuela atacar o Brasil, a França é capaz de estacionar seu Porta-Aviões na costa Venezuelana e destruir a pobre área industrial em Caracas.
Sabe porque???
Porque a França além de interesse em vender caças para o Brasil, ela também está de olho no petróleo do pré-sal!!! A França está esperando o Brasil vender milhões e milhões de barris de petróleo a eles.

Abraços.

Alexandre Galante
Visitante
Active Member
Alexandre Galante

É a única coisa que podemos fazer, torcer pra que nada dê errado, mas não é assim que se faz planejamento militar. A estratégia deve levar em conta o equipamento de um possível inimigo e os militares devem estar preparados para todos eles.

Não falamos de guerra nos moldes antigos, mas sim de ter equipamento mínimo para atuar em determinada área, por tempo limitado, em defesa dos interesses nacionais.

E nesse caso, se o adversário for a Venezuela, estaremos fritos literalmente, no ar!

Vovódka Abduzida
Visitante
Vovódka Abduzida

Felipao meu netinho queridao, nao e´ bonito nao, ele e´ lindoooooooo!!!!! e esse ai´ que e´ o 5812 a veia aqui voou muito quando tava la´ com os Bolivarianos da Chavelandia depois que eu sai ai´ do Brasil desepcionada com os home dai´ que nao quiseram mais saber de Sukhoi!!! Ai´ a veia pego carona no Ilyushin do Medvedev que nao gosta nem de Antonov nem de Tupolev!!! E fui la´ ensina os Bolivarianos a voar direito de Sukhoi e nesse 5812 a gente voou muito la´ em cima dos indio e dos arrozeiro da Raposa Serra do Sol e… Read more »

Edmar
Visitante
Edmar

Caros Amigos.:

Eu sou a favor do “Dassault Rafale F-3” ou até do “Saab Gripen NG”, mas se viessem pelo menos uns 72 caças(60 monoposto e 12 biposto) “Sukhói SU-35” eu iria ficar muito contente!!!

Abraços.

Alexandre Galante
Visitante
Active Member
Alexandre Galante

Essa lição é muito antiga, mas o brasileiro é tardio pra aprender:

A arte da guerra nos ensina a confiar, não na possibilidade de o inimigo não vir, mas sim, na nossa prontidão para recebê-lo. Sun Tzu

Edmar
Visitante
Edmar

Caros Amigos.:

Eu acredito que o Hugo Chaves não seria tonto em atacar o Brasil, acho que ele está se equipando para uma possivél intervenção norte-americana ou colombiana, ou até invadir a Guiana, já que eles sonham com aquelas terras.

Agora!!!!!

É uma decepção tantos adiamentos do FX2!!!
Que vergonha!!!

Tem gente que desvia tanto dinheiro na política que deixam os cofres públicos vazios!!!

Lamentável.

Abraços.

Felipe Cps
Visitante
Member
Felipe Cps

” Ilyushin do Medvedev que nao gosta nem de Antonov nem de Tupolev!!!”

Caraca, a estadia na lua ou no disco dos ETs fez bem pra essa véia!!! Tá virando até poetisa, kkkkk!!! 🙂

Bença vó véia!

Francisco AMX
Visitante
Member
Francisco AMX

Já falei isso tempos atrás, estes mísseis não estão lá de agora, já faz tempo! E não fiquem pensando que os pilotos Venezuelanos não sabem pilotar… eles receberam treinamento dos melhores pilotos russos escrevam aí… Tem gente que acha que os R-99 + F-5M são páreos para este caça, eu tenho certeza que não! nossos caças ou fogem da bronca ou cairão como moscas no Baygon! o SU-30 Venezuelano armado com estes mísseis enxergará o R-99 e o F-5M antes que os Tigers possam lançar suas armas… ou fugimos ou morremos! mas tb não acredito em guerra contra Venezuela, tá… Read more »

Edmar
Visitante
Edmar

Caros Amigos.: O que o amigo “Francisco AMX” disse tem um fundamento e é real!!! E essa demora do resultado do FX2 é suspeito!!! será que vai ser cancelado??? Isso já aconteceu anteriormente!!! É acho sem dúvida que se o FX2 for adiado é certo que vamos ficar com os “Dassault Mirage F-2000 9″ dos EAU. E os nossos 12 “Dassault Mirage F-2000″ vão para o padrão “F-2000 9″. Pelos menos essa versão do Mirage é mult-função e pode disparar mísseis ar-ar “Meteor” que tem alcance de 100Km. Já que o “Mirage F-2000 9″ vem equipado com o “radar RDY”… Read more »

Francisco AMX
Visitante
Member
Francisco AMX

Acredito que a versão do R-27 é a EM… de 130km… mais do que o dobro dos Derbys, efetivamente acredito que eles possam lançar seus 12 mísseis a distâncias de 100km… e nós de uns 50km… numa Zona sem escapatória… Em suma: em números absolutos, 6 SU-30 armados com 10 ar-ar – sendo 8 deles de longo alcance colocariam em xeque 22 F-5M e 2 R-99… bem pilotados os SU-30 não dariam chance alguma aos nossos vetores… sem falar em alcance e sistemas de defesa própria, que os SU-30 são muito mais capacitados… além disso eles contam com vários bi-places…… Read more »

Felipe Cps
Visitante
Member
Felipe Cps

Calma Edmar e Chicão, “não priemos cânico”: é o Chávez! Amiguinho do Grande Timoneiro! Qq coisa “o cara” chama ele prum churrasquinho na Granja do Torto, dá umas pinga pro Beiçola e tá tudo certo! Squenta não que eles são da merma laia, rsrs… Aliás, há até quem diga que são chefe e subordinado, rsrsrs…

Vai começar a ficar preocupante é se o Nosferatu ganhar ano que vem. Aí vai começar a dar uma certa paúra… 🙂

Abs.

Bosco
Visitante
Bosco

Num engajamento frontal (head on engagement) a NEZ dos mísseis citados lançados por vetores de alto desempenho a grande altitude é bem menor meu caro Chicão, mais ou menos a metade.
O que é só um detalhe que não muda a lógica do seu comentário.

carl94fn
Visitante
carl94fn

Nessa to com o ZE lá em cima, a Venezuela só ta mostrando os dentes, mas morde acho que não… (bem tomara) mas se vierem vão levar uma surra daquelas!!

Francisco, desta fez vou discordar do caro colega acho que nossos R-99 + F-5M são bons páreos para os Su-30 Venezuela uma vez que se mostraram muito bons contra os Mirage-2000C, um problemão é seu sistema antiaéreo já que os Su-30 são os mais simples(um radar inferior ou igual ao dos M-2000C). “bem é só minha opinião”

Mais uma coisa será que o FX-2 poderá usar mísseis Russos???

Sds

Rodrigo Marques
Visitante
Rodrigo Marques

Acho que R99+F5 dão conta do recado com um certo aperto hoje. Com mais treinamento na FAV poderemos ter sérios problemas, MAS com a vinda do FX-2 (apesar das últimas novidades ruins, acredito que ele vá até o fim), seja ele qual for, assumimos a dianteira novamente. Há de se considerar obviamente a questão política , porém mesmo com o “advento do nosferatu” como disse o Felipe, acho que as coisas nao mudam tão cedo, pois com PSDB no governo, teremos mais do mesmo, como foi este governo do PT pós PSDB… ( acho que vão brincar de 8 anos… Read more »

Francisco AMX
Visitante
Member
Francisco AMX

Bosco e Carl94fn, O Radar do SU-30MK localizará o R-99 a uns 270km de distância ou mais – o R-99 tem um RCS enorme por conta da forma e tamanho, de seus sensores e antena! o F-5 a uns 140km…, se equipado com o míssel R-77 de versões mais atuais o SU-30 colimará todos nossos vetores antes mesmo que eles possam começar a querer fazer frente! já li que este PhaseA do SU-30 é muito eficiente na detecção e travamento… os F-15C americanos sabem bem disso… é difícil se livrar deles! O problema dos F-5M é que eles tem poucos… Read more »

Bosco
Visitante
Bosco

Não adianta termos um R-99 como plataforma de radar se nossos vetores de armas possuem mísseis com alcances muito menores.
Mesmo que possamos detectar os Su-30 pelos R-99 antes que eles detectem nossos pequenos F-5 e que sejamos vetorados para os mesmos, ainda teríamos que nos aproximar para entrar na zona de engajamento.
Aí a coisa pega. Com certeza seríamos alvejados independente do R-99, se é que o próprio não seja também antes.

Alexandre Galante
Visitante
Active Member
Alexandre Galante

E pior é que existe um AA-10 anti-AWACS…

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Amigos,

Não tem jeito.

Para equilibrar o jogo tem que ser com F-X2 somados a mísseis Meteor ou AMRAAM AIM-120 C7 (com opção de compras para AIM-120D).

Mísseis Derby serviram para completar o armamento, na redução das distâncias de engajamento.

Mísseis MICA nem pensar. Foram revolucionários no seu tempo, mas seu tempo (e alcance) já passou.

Desculpem meu jeito de escrever agora, normalmente sou mais polido.

Abç,
Ivan.

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Correção no tempo do verbo:

Serviram = servirão.

Robson Br
Visitante
Member
Robson Br

Criticam o Lula e o Jobim, mas o que acontece é que a FAB pode estar perdendo a sua maior fase. ELA TEM QUE MUDAR SEU PATAMAR. Ficar nessa de terminar um caça que tem fornecedores duvidosos e que não terá muita produção. Como disse os proprios executivos da Boeing: corre o risco de só o Brasil operar.

Não vejo o motivo de tanto preconceito contra o Lula e Jobim. Vai chegar uma hora que vão cancelar e aí ….. Uma hora cança.

Bosco
Visitante
Bosco

Galante,
não seria o KS-172?

Welington
Visitante
Welington

Achar que a Venezuela ira nos enfrentar a curto e médio-longo prazo não faz sentido, a Venezuela nos tem como um porto seguro, sem uma parceria com o Brasil a Venezuela estaria desprotegida no cenário sul americano, visto a cobiça dos países desenvolvidos pelo seu petróleo. A Venezuela é importante para o Brasil graças aos seus recursos minerais e o mercado consumidor presente neste país, e o Brasil é milhões de vezes mais importante para a Venezuela pela segurança que uma parceria com esta traz e pelo mercado fornecedor seguro do Brasil. O Chávez não quer ver a Venezuela virar… Read more »

Bosco
Visitante
Bosco

Grande Wellington, não confio muito nas tabelas de mísseis russos. Acho elas em geral superestimadas. Nos exemplos que você citou já podemos ver algumas discrepâncias. No caso dos mísseis ocidentais a diferença entre o alcance máximo e a NEZ é em geral de 3 a 4 X menor. No caso dos mísseis russos gira em torno de 2X. Ou os russos possuem alguma tecnologia desconhecida ou eles magnificam as suas tabelas. Em geral um míssil BVR moderno tem um alcance nominal muito grande já que ele pode ter uma trajetória parabólica subindo quando na fase de impulsão onde acumula energia… Read more »

Felipe Cps
Visitante
Member
Felipe Cps

Welington, com todo o respeito broe, já te falei isso, vc é muito inteligente e sabido, unico problema, vc escreve demais, ninguém güenta… Seja mais sintético…

E véio, como vcs russófilos mesmo dizem vai uma diferença grande entre o SU-30 MKV e o Su-35qq coisa…

Sds.

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Felipe,
Deixa o Welington escrever em paz.
Se vc quer um resumo eu passo para vc depois por e-mail, mas deixa o cara se expressar sem stress… He he he.

Welington,
Esqueça a versão sintética do Felipão.
Eu gosto de detalhes e deve ter mais gente que gosta.
Escreva o quanto quiser, quem tiver como preguiça ou com sono que não leia, ou deixe para o dia seguinte… Ka ka ka.
Em tempo, acho que o alerta do Bosco faz sentido.
Vc pode dar uma pesquisada para os curiosos de plantão?

Abç a todos,
Ivan.

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Welington,

Quanto a sua visão político-estratégica das Forças Bolivarianas eu tenho que discorda quanto a garantia de não há riscos de conflitos.

É comum líderes populistas com viés ditatoriais procurar uma causa externa para seus próprios erros.
Hoje é a Colômbia com os EUA,
Amanhã pode ser a pequena Guiana ou o lento Brasil.

Mas é melhor falar dos mísseis, que está muito mais interessante.

Abç,
Ivan.

carl94fn
Visitante
carl94fn

Welington em 10 dez, 2009 às 21:45 Muito boa sua tabela valeu kra. Mas tenho que concordar com Bosco em 10 dez, 2009 às 22:08 os Russos exageram na Vodka e assim não tem pescador que agüente. Francisco meu comentário levou em consideração o fato de alguns Blogs da área militar se referir ao Su-30 venezuelano como um avião de radar mais simples com uma alcance de 90-110km. Caso contrario o radar seja mais avançado então ai sim teríamos maiores problemas, mas mesmo assim o R-99 é uma arma que nos da certa vantagem. E insisto o grande problema é… Read more »

carl94fn
Visitante
carl94fn

Felipe Cps em 10 dez, 2009 às 22:14

“E véio, como vcs russófilos mesmo dizem vai uma diferença grande entre o SU-30 MKV e o Su-35qq coisa…”

A pergunta é muito boa.
são no mínimo bem parecidos temos que concorda né.

Welington
Visitante
Welington

Bosco a NEZ é definida por vários fatores menos o alcance máximo do míssil. Como você sabe no caso de mísseis BVR’s o alcance é otimizados com vôos de perfil loft, subindo a grande altitude e utilizando a energia adquirida gravidade no mergulho para completar o percurso, porem quando o míssil voa neste perfil e o seu combustível se exaure e o mesmo depende exclusivamente da energia adquirida e do mergulho para completar o percurso sua manobrabilidade e velocidade são comprometidas diminuindo a probabilidade de acerto (PK) e por consequência retirando o míssil da NEZ… Num engajamento típico, o piloto… Read more »

Welington
Visitante
Welington

Felipe Cps obrigado pela dica, vou tentar ser mais objetivo quando se tratar de temas políticos estratégicos, porem quando for sobre temas técnicos é difícil resumir características que devem ser expostas para o entendimento geral.
Um grande abraço…
Ivan concordo que sempre a riscos, porem a curto e médio prazo não acredito na possibilidade da Venezuela se rebelar contra seu maior parceiro e “aliado”…
Um grande abraço…

Bosco
Visitante
Bosco

Wellington, o alcance é definido por uma série de fatores como você mesmo citou, mas em geral o projeto de um míssil ar-ar leva em consideração achar o ponto de equilíbrio entre a massa total, o coeficiente de arrasto aerodinâmico, a quantidade e o tipo de combustível, etc. Existem os fatores ‘externos’ como por exemplo a velocidade e a altitude do caça que o lança. O fato dos mísseis russos serem maiores significa maior massa total e uma pior performance aerodinâmica que irá influenciar na relação massa x alcance. Com certeza haverá mais combustível à bordo, mas de modo relativo… Read more »

Edmar
Visitante
Edmar

Caros Amigos do Blog, caros amigos Bosco, Welington, Francisco AMX, Felipe Cps e amigos… Com tantos e tantos adiamentos do FX2 e um suposto supeito de um novo cancelamento, e boatos que alguns representantes da FAB foram observar os Mirage 2000 9 dos EAU que vão ser vendidos, fiz uma pequena pesquisa com base numa matéria de um blog do Amigo Carlos Emílio que fala dos Mirage 2000 9 que é um fortíssimo candidato a ser o novo caça do Brasil, caso o FX2 seja cancelado (que é muito perigoso ocorrer isso, já que os políticos e militares não entram… Read more »

Rodrigo Marques
Visitante
Rodrigo Marques

Meu único questionamento é o percentual de acerto de um míssil disparado a 100km de distância.

Welington
Visitante
Welington

Boscão justamente você entrou no ponto que me referi, há a possibilidade da NEZ dos mísseis Russos ser maior vide maior quantidade de combustível e/ou maior tempo de queima do propelente, visto o maior peso dos mísseis e o seu alcance comparável ao de mísseis mais leves e com coeficiente aerodinâmico mais eficiente. Há de se ressaltar se o maior volume de combustível se deve ao maior “torque” necessário pelo peso excessivo e/ou para um maior tempo de queima do propelente o que elevaria a NEZ do míssil comparável aos seus similares com menor volume de combustível… Ok amigão estou… Read more »

Welington
Visitante
Welington

Edmar o Mirage 2000 5-9 é uma excelente aeronave comparável ao F-16 Block 50, porem eu prefiro o segundo pelos custos de operação, o Mirage 2000 simplificando grosseiramente é um F-16 com assas em Delta, as duas aeronaves são similares e concorrentes, porem o Mirage 2000 teve sua linha de produção encerada. Na minha opinião se o FX for cancelado (Situação que desejo somente se fosse feita uma parceria para o PAK FA) o Mirage 2000 5-9 seria uma ótima opção de caça tampão até a chegada dos seus substitutos por volta de 2020 caso o Brasil entrasse no PAK… Read more »

Welington
Visitante
Welington

Rodrigo Marques os mísseis disparados fora da NEZ, possuem menores chances de acerto, principalmente se o propelente de seu motor se exauriu, pois desta forma o míssil dependera exclusivamente da energia adquirida e da força gravitacional que será exercida no mergulho para completar o percurso, desta forma sua manobrabilidade e velocidade serão comprometidas assim diminuindo a probabilidade de acerto (PK). Os mísseis disparados fora da NEZ possuem menores chances de acerto, estes podem ser disparados intencionalmente para tentar influenciar as manobras o inimigo. Um míssil perdido é chamado de “spoiler”, sendo usado para forçar o inimigo a reagir ou se… Read more »

Vovódka Abduzida
Visitante
Vovódka Abduzida

Voceis quase acertaram ai em cima Ivan, Wellington e Bosco meus netinhos queridos o Welington o mais querido deles porque e´ o maior fa de Sukhoi do Brasil e acho que do planeta intero que agora a vovo´ aqui vigia tudo da orbita do disco voador!!! e o Ivan muito querido tambem porque tem esse nome muito do terrivel e o Bosco porque fala com a veia em russo o que deixou a vovo aqui muito comovida mais eu nao gosto muito mais de russo porque os Rosoboronexportes que era amigo meu me deixaro sozinha la´ na Lua e nem… Read more »

Welington
Visitante
Welington

KKKKKKKKKK, boa Vovódka Abduzida, rsrsrs…
A benção e um grande abraço…

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Vovódka Abduzida,

Sempre uma alegria lhe ouvir.
Seu bom humor é contagiante, obrigado.

Bosco,

Estarei esperando o seu retorno em torno do brilhante debate que vc e Welington estão conduzindo.
Obrigado a vcs dois também.

Abç a todos,
Ivan.

Rodrigo Marques
Visitante
Rodrigo Marques

Grande Wellington,

Nas suas palavras: “” Os mísseis disparados fora da NEZ possuem menores chances de acerto””

Até aí tudo bem, é lógica pura, mas o questionamento permanece: – Qual o percentual de acerto?

Por isso acho que, por enquanto, o R-99 ( com seu radar cobrindo aproximadamente 350km em torno da aeronave) ainda pode cumprir bem seu papel na America do Sul.

Abração!

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

Mauro, Felipe e demais que estejam interessados em provocar ou responder a provocações, Repito o teor do aviso de um post anterior (não é só para vocês, Mauro e Felipe, deixo isso claro): vamos procurar manter o debate nas idéias, argumentos e evitar provocações pessoais, mesmo gerais. Contar até dez, evitar iniciá-las e evitar fazê-las. Isso não contribui para o debate. Não quero ter que começar a editar comentários. Isso representa desgaste e uma perda de tempo que desejo evitar. Vejam o estilo do debate sobre NEZ e outras questões por aqui, por outros posts, e comparem com essa discussão… Read more »

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

Mauro, por isso sugiro contar até dez antes de responder, para você e para o Felipe que também citei nos outros comentários, já que boa parte das desavenças tem surgido entre vocês.

É difícil fazer esse tipo de discussão deixar de começar ou parar, depende de vocês mais do que dos editores. O que não quero é perder meu tempo começando a editar comentários, isso é muito chato.

Saudações

Felipe Cps
Visitante
Member
Felipe Cps

Fica frio Nunão, já avisei o citado cidadão que não mais responderei a qualquer das provocações dele.

Abs.

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

Mauro, acho que o que escrevi agorinha há pouco pra vc, pro Felipe e pra todos em “Jobim diz que escolha de caças está atrasada e sairá apenas em 2010” ajuda a entender o que penso dessa discussão. Você está certo em muitos aspectos, mas não creio que “fulanizar” a questão vai ajudar. Acompanho os comentários e isso não fica restrito a quem você se refere, seja das provocações dos que atacam ou dos que defendem governo, ministro etc. Muda o teor, não muda o conteúdo. Repito: não estou do lado de ninguém nesse aspecto. Estou do lado do blog… Read more »

Bosco
Visitante
Bosco

Rodrigo, o percentual de sucesso depende do alvo em questão ser pego de surpresa ou não. Como a 100 km provavelmente o míssil foi disparado bem além da distância ideal (NEZ) ele estará sujeito a ser evitado por manobras evasivas. Se o tempo de alerta for maior ele teria também mais tempo de implementar medidas defensivas. É que nem sempre o alvo é alertado à tempo porque o míssil se aproxima com o radar e o motor desligado. No caso do míssil ser guiado por radar ele só o ativaria há alguns segundos antes do impacto, o que alertaria o… Read more »

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Bosco e Welington, O Phoenix americano, como citado à pouco, “tinha como alvo prioritário grandes bombardeiros russos e não o combate entre caças. Mas na guerra Iran X Iraque eles tiveram bastante sucesso, sendo extremamente temidos, em conjunto com os veneráveis TOMCAT. Além disso, não há apenas caças no ar. As aeronaves de vigilância eletrônica, em particular os AWACS, são alvos prioritários. No meu entender seriam alvos mais importantes que os caças adversários. Não conheço o desempenho do KS-172 russo, vou pesquisar à noite, mas sempre respeitei muito o velho Phoenix e acredito que os norte americanos o desativaram a… Read more »

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Bosco,

Em tempo:
Mas esta minha colocação não invalida em nada seus argumentos.
Pelo contrário, concordo com seu raciocínio no que diz respeito ao combate aéreo.
Apenas penso que existe alvos ou ‘mercado’ para mísseis ar-ar pesados, de alcance extra longo.

Abç,
Ivan

Francoorp
Visitante

Mauro: Jà pensei nisso que dissestes a muito tempo àtras, e cheguei a conclusão que tal elemento seja PAGO por alguém, para fazer toda essa comedia, e isso joga descrédito somente sobre o elemento citado. No fim que tipo de enriquecimento ao debate este individuo gera??? nenhum fala somente mal dos outros e basta! Jà não posto muito por aqui, por ter sempre a mesma violência de palavras de uma pessoa, que devido a prova das próprias argumentações, não tem capacidade de aprofundar qualquer discurso em sentido neutro e técnico… demonstrando assim sua falta de cultura. Bem desculpas as outros… Read more »