quinta-feira, outubro 21, 2021

Gripen para o Brasil

F-X2: Amorim nega que presidente tenha errado sobre escolha do Rafale

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

vinheta-clippingO anúncio antecipado do governo Luiz Inácio Lula da Silva de sua preferência pela compra dos caças Rafale, da companhia francesa Dassault, foi a resposta aos compromissos do próprio presidente da França, Nicolas Sarkozy, de transferência “irrestrita” de tecnologia. Não se tratou de um “erro” do governo, do ponto de vista do ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim. Conforme explicou, também pesaram as garantias de Sarkozy de fixar um preço compatível com os de venda dos Rafale às Forças Armadas francesas e de reservar o mercado latino-americano para a futura produção dessas aeronaves pela Embraer.

“Isso não só apareceu na oferta técnica, mas também foi referendado pelo próprio presidente Sarkozy”, afirmou Amorim, referindo-se a uma carta do líder francês, elaborada no início da madrugada do dia 7 de setembro, que permitiu o anúncio do governo no início da tarde.

“Houve uma decisão de preferência nítida pela proposta francesa. Mas as formalidades da licitação, que têm de ser seguidas, são outra coisa”, completou, deixando em aberto a possibilidade de a negociação entre o Brasil e a França não ser concluída a bom termo e de serem retomada as ofertas de venda dos caças Gripen, da sueca Saab, e dos F-18 Super Hornet, da americana Boeing.

A carta pessoal de Sarkozy foi o resultado de uma queixa do presidente Lula, durante o jantar que ofereceu no Palácio da Alvorada no domingo passado, ao “preço absurdo” que constava da proposta da Dassault. Diante do risco de retornar a Paris sem um compromisso para viabilizar comercialmente os Rafale – produto estigmatizado pelo fracasso de todas as negociações de venda ao exterior -, Sarkozy concordou em registrar sigilosamente as ofertas adicionais.

Além de determinar o início das negociações com a Dassault, o texto trouxe o compromisso de compra, pela França, de dez aviões de transporte militar KC-390, que está sendo projetado pela Embraer como uma das opções para a substituição dos americanos Hercules.

FONTE: Agência Estado

- Advertisement -

24 Comments

Subscribe
Notify of
guest
24 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
COMANDANTE MELK

Senhores, seguindo a mesma linha deste post da Agência Estado, tenho um outro aqui do Valor Econômico. Lá vai… FONTE: Valor Econômico – Paulo de Tarso Lyra O assessor especial da Presidência para assuntos internacionais, Marco Aurélio Garcia, disse ontem que se suecos e americanos derem as mesmas garantias oferecidas pelos franceses, o governo brasileiro concordará em conversar com eles sobre a compra do lote de 36 caças para a Força Aérea Brasileira (FAB), o chamado Projeto FX-2. Garcia ressaltou, no entanto, que as garantias envolvem preço, transferência tecnológica e possibilidade de venda para a América Latina. Lembrando seus tempos… Read more »

Poggio

Prezado Comandante Melk,

Se observar melhor, verá que tal matéria já foi reproduzida aqui no blog esta mamnhã.

Antonio M

E agora vem também o Celso Tamborin para colocar a “cereja no bolo” e dar pitaco?!?!?!?!?

Esse cara não tem o que fazer além de ajudar a causa bolivariana com bondades feitas com materiais, refinarias e dinheiro público dos brasileiros?!?!?!?

eduardo

Legal essa lógica do Amorim.
Já escolhemos, agora tem umas formalidades que tem de ser seguidas…
Ou seja, um bando de Zé Mané decide que avião de caça o país vai utilizar nos próximos 30 anos e depois da decisão tomada, manda o pessoal técnico bater o carimbo para arranjar uma justificativa.

Só falta explicar para quem vai pagar a conta como é que eles chegaram à conclusão que o avião é o melhor para o país se a área técnica ainda não terminou seu trabalho.

Felipe Cps

Bem, como falei do MAG (mas o blog censurou, rs), esse é outro cidadão que alguém tinha que “dar um jeito”… 🙂

E esse cabra, xiii… essa barbichinha dele num engana ninguém não, rsrs… esse camufla muito mal, rsrs…

Sds.

bandeira

Bueno, uma coisa já está explicada, caso se confirme a compra, os aviões serão produzidos na…
Pensaram que seria na Embraer???
Erraram, será na França.Vamos gerar empregos lá.Gostaria de saber, como se transfere tecnologia assim?
Será do tipo “receita de bolo”, pegue dois motores, um radar, canhão, um punhado de material composto, jogue tudo na batedeira, leve ao forno por X minutos, e pronto, sairá um avião.
Desculpem, mas depois de tanta trapalhada/cretinice, não há fígado que aguente.

Asterix

O pior….que essa cretinice… não é burrice…é mau caratismo mesmo.

A-Bomb

Gostaria de saber para quem o Brasil vai vender os Rafales na América Latina?

Hugo Chaves esta sentado no colo do presidente Russo.
Colonbia agarada com Tio Sam.
Chile ja fez suas compras.

Resta que então?
Bolivia não pode nem seguer comprar Super Tucano muiiiiiito menos Rafales.
Paraguai idem pois e outro pais que vive de caridade do Brasil.

Equador e outro pais quebrado e Argentina a situação e desesperadora.

Para quem vamos vender então?

Tales

“BUENO”: como já referi nos comentários sobre outro post, acho exagerado afirmar que houve alguma trapalhada ou confusão do atual Presidente da República. Afinal, sempre se soube que a última instância decisória do processo FX-2 seria POLÍTICA (porém no âmbito do Conselho de Defesa Nacional). E sempre se soube de uma “velada” preferência pelo vetor fancês, principalmente após a divulgação da short list e a exclusão do Sukhoi. E quanto às qualidades/defeitos do Rafale F-3, vale lembrar que a própria enquete promovida pelo blog apontou, pela IMENSA MAIORIA, esse vetor como o PREFERIDO dos internautas. Mas as viúvas da Boeing… Read more »

Wolfpack

O FX2 está desmoralizado por completo com esta atitude estúpida do nosso Presidente e sua acessoria. Cansei de postar neste blog que mais importante que a escolha é forma como esta deveria ser anunciado, sem milindrar Americanos, e Suecos, uma vez que só a Vovozinha não acreditava na preferência do Brasil pelo Rafale, mas agora foi tudo jogado num fosso do tamanho do Pré-Sal. Esperem e verão o cancelamento do FX2. Não tinhamos o direito de anunciar o término de um projeto como este da maneira que foi colocada pelos nossos dirigentes. Isso foi o maior absurdo de todos os… Read more »

Wolfpack

A FAB está perdida, seu relatório foi colocado debaixo da mesa do Grande Sapo Barbudo ou serve de peso de papel para o Companheiro.

Robson Br

O erro foi abrir muito a cocorrência e se expor demais. Isso não é deixar de ser transparente. Todos sabiam que os EEUU tem mais interesse em manter o Brasil submisso do que ganhar dinheiro. A FAB tinha que conduzir a concorrência como a MB fez. O grande projeto era o SNB. Acompanhou o processo, aprovou o equipamento, fez melhorias escolheu o novo local e deixou o pau comer. Ficou de largo ao processo financeiro. O único parceiro viável é a França. O Rafale é o melhor dos tres. Se o processo tivesse uma condução mais rápida, já tinha o… Read more »

Tales

Wolfpack: Calma, wingman. Não faça com o Cougar, mantenha a frieza como o Iceman em TOP GUN…Afinal, já esqueceste que o Nelson Jobim prometeu aos russos reavaliar a oferta da Sukhoi??? Pois é: cadê ela??? Alguém tem visto muitos lobbistas da Sukhoi em Brasília ultimamente???? Agora, é o mesmo BLEFE: vão forçar os “concorrentes” a melhorarem suas propostas (e os franceses a baixarem os preços). E vão fazer isso, “apostando” as fichas na proposta francesa, que, no final das contas, será a vitoriosa, quando revelarem as “cartas nas mãos”. O molusco, que não é bobo, é que está “quase” certo:… Read more »

Tales

Que cantilena….
E NINGUÉM CALA ESSE CHORORO
CHORA O PRESIDENTE (da Boeing e da Saab),
CHORA O TIME INTEIRO,
CHORA O TORCEDOR…
As viúvas da Boeing e da Saab estão se revelando piores que as viúvas do Sukhoi…

URUTAU

Bom Dia Senhores

eu volto a bater na mesma tecla de sempre precisamos de mais seriedade e competencia na condução de todos os nossos projetos relativos a defesa de nossa soberania é inaceitavel que coisas como esta aconteçam neste pais meus senhores
leiam com atenção essa materia desse link e tirem suas proprias conclusões
vamos conduzir este nosso querido BRASIL ao lugar de destaque que ele merece com justiça competencia seriedade e profissionalismo
volto a frisar é inadmissivel que coisas assim interfiram no progresso deste pais

http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2009/09/10/militar+que+discutiu+com+ex+ministro+e+demitido+8380932.html

SDS Senhores

Antonio M

Para os defensores de como a concorrência está sendo conduzida: Qual outro país que se comportou como o Brasil e que conseguiu bons resultados na licitação?

Felipe Cps

Wolfpack em 10 set, 2009 às 22:32:

Ótimo comentário Wolfpack.

Esdras

Engraçado que desde o início falam que isso não é licitação e agoram falam nisso. É o grande show de amadorismo mesmo.

Storm

Pra min esse Celso Amorim é um Zé ruela, um leva e trás que fica só colocando Panos quentes em tudo quanto é besteira que o Lula faz,
que função mais ingrata. Só um cara com um perfil desses pode ser
ministro das Relações Exteriores ?

Pra min foi um erro sim, anunciar negociações com a França e preferencia pelo Rafale, antes do término oficial do processo. Apesar de a FAB não ter culpa, manchou sim todo o processo do FX-2

Flavio

Tales,

Ótimo comentário.

Alguém com um pouco de visão política e de como realmente funciona o meio. Só falta você dizer que mora em Brasilia. rssrsrs.

Desc. a brincadeira amigo, abraços

maranhão

Senhores! olha a reportagem da revista época sobre os métodos de venda americana! compença a leitura! Como a CIA usou rede de satélites, grampeou o Planalto e garantiu à Raytheon vitória sobre a Thomson na venda de radares para a Amazônia Fonte: Revista EPOCA O Brasil foi o alvo de uma operação conjunta dos serviços secretos dos Estados Unidos exclusivamente voltada para a espionagem econômica. A CIA e a NSA, agência nacional de segurança dos EUA, grampearam as comunicações do Palácio do Planalto, onde trabalham o presidente da República e assessores, além dos escritórios do grupo francês Thomson, no Rio… Read more »

Caipira

Calma lá gente…a FAB é tão coitada assim?Foram feitos de idiotas e trabalharam á toa? Sei não…
No mais, acho que todo esse rebuliço é tempestade em copo d’agua, concordo com o Tales…
O problema é que todo mundo já tá de saco cheio, muitos amigos aqui acompanham á meses e até anos o FX-N (de nunca)ai fica difícil analisar as coisas com frieza…

Caipira

maranhão em 11 set, 2009 às 10:35

Bom dia maranhão, tudo bem amigo?

Interessante teu coment…na minha opinião não existem santos, norte-americanos, europeus, russos ou seja lá quem for querem é ganhar dinheiro, a diferença é o aparato que os yankees tem a disposição…

tomas

Independente da lingua solta do presidente LULA. A FAB possui hoje 35 F-5M entregues pela Embrar/Elbit, depois da modernização. Destes somente 60% estão voando, tendo o restante da frota entregue destes caças sendo mantida estacionada pelaa falta de liberação por parte do Ministério da Fazenda dos recursos necessários para a manutenção mínima. Isto é: verba para pagar combustível , manutenção, hora de vôo. uso de armamento em treinos, etc, etc… Um caça como o F-5M, que tem um custo de hora voada em torno de US$ 2.500,00 e tem um CLS integralmente feito no Brasi. O Rafale, tem um custo… Read more »

Últimas Notícias

Acompanhe a estreia do 1º episódio da websérie Colaboração Real 4 no YouTube

Em 21 de outubro, às 11h, estreia o primeiro episódio da quarta temporada da websérie Colaboração Real no canal...
- Advertisement -
- Advertisement -