Home Sistemas de Armas Tornados da RAF prontos para usar a Paveway IV

Tornados da RAF prontos para usar a Paveway IV

263
35

tornado-paveway-iv

As bombas guiadas Paveway IV estão homologadas para uso nos Tornado GR4 da RAF, que vão ocupar o lugar dos Harrier GR9 nas operações de apoio aéreo aproximado no Afeganistão. Estas armas foram lançadas contra todo tipo de alvo pelos Harrier e provaram sua extrema precisão.

A Paveway IV é a última da série e usa guiagem GPS/INS e laser, aumentando a capacidade de emprego em qualquer tempo.

Subscribe
Notify of
guest
35 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Lucas Calabrio
Lucas Calabrio
10 anos atrás

Bom caça britânico mas caiu mais um deste no Afeganistão
primeiro foi o f-15 depois um helicoptéro russo M-8 agora um tornado
parece que tão sabotando antes da arena de combate.
sds
http://moraisvinna.blogspot.com/2009/07/cai-um-tornado-gr4-britanico-no.html

LBacelar
LBacelar
10 anos atrás

Isso me lembra a invasão soviética no afeganistão, quando aviões russos se acidentavam misteriosamente durante o pouso ou decolagem. Após os russos investigarem, descobriram que rebeldes mujaheedin esperavam esse momento critico para o avião e atiravam nos pilotos nos cockpits usando rifles Dragunov…

Será que tem caroço nesse angu?

Jonas Rafael
Jonas Rafael
10 anos atrás

Apoio aéreo não seria tarefa de uma aeronave mais manobrável em baixa velocidade?

Lucas Calabrio
Lucas Calabrio
10 anos atrás

Prezados
Posso está muito enganado, mas creio que em guerra assimétrica o ideal seria o super tucano e creio que não fica nada a dever pros caças modernos para esse tipo de teatro de operação.
Ë o caça turboélice mais avançado atualmente vejam este site.
http://aircombatcb.blogspot.com/2008/02/embraer-at-29-super-tucano-os.html

Rogerogert
Rogerogert
10 anos atrás
Patriota
Patriota
10 anos atrás

Pessoal parece que em breve virão helis de ataque para o EB , http://defesabrasil.com/site/index.php/Noticias/Defesa/Brasil-negocia-mais-helicopteros-russos.html Achei a noticia bem interessante , tenho grande admiração por helis de fabricação russa e acho que o Kamov 50 black shark seria uma escolha espetacular poderiamos ter um dos mais poderosos helicopteros de ataque do mundo. vejam só a ficha tecnica Velocidade máxima: 340 Km/h Velocidade de cruzeiro: 310 Km/h Alcance: 460 km, 1160 Km de transalado Razão de subida vertical: 600 m/min Fator de carga: +3.5 Altitude maxima: 5500 m Armamento: Um canhão 2A42 de 30 mm, 12 mísseis AT-16 Vikhr antitanque, 2 casulos… Read more »

Mauricio R.
Mauricio R.
10 anos atrás

“Posso está muito enganado, mas creio que em guerra assimétrica o ideal seria o super tucano…”

No Afeganistão o A-10 “Warthog” tem feito excelente trabalho, sem ser tão sofisticado.

Marcelo Tadeu
Marcelo Tadeu
10 anos atrás

O Tornado já pode ser considerado um avião antigo, mas, o bichão ainda impõe respeito, né não?

sds

Angelo Nicolaci
Angelo Nicolaci
10 anos atrás

Seria uma ótima oportunidade para a Embraer oferecer a titulo de leasing alguns super tucanos para os aliados no Afeganistão, pois seria uma excelente vitrine, pois é uma aeronave concebida para esse teatro e de baixo custo operacional e excelente desempenho

Rui Silva
Rui Silva
10 anos atrás

Lucas Calabrio Acho dificil no terreno afegão em que as montanhas são altissimas sendo o apoio aèreo aproximado proporcionado por aviões a grande altitude usando armamento inteligente,o Tucano não têm proteção blindada como um A-10 ou um su-25 para resistir a uma metralhadora pesada escondida num barranco,use o gogle earth para ver o tipo de terreno que encontra no Afeganistão. Durante a ocupação soviética uma das principais vulnerabilidades dos aparelhos era a falta de armas inteligentes tendo de voar a altitudes baixas , muitas vezes abaixo dos picos mais altos. Para o tipo de apoio que o Tucano poderia proporcionar… Read more »

Lucas Calabrio
Lucas Calabrio
10 anos atrás

Prezado Rui Silva
O teto operacional do super tucano é de 6.000m mas ele é blindado contra metralhadora .5
http://aircombatcb.blogspot.com/2008/02/embraer-at-29-super-tucano-os.html
sds

Fábio Max
10 anos atrás

Penso que o Afeganistão é uma guerra. Assimétrica, mas uma guerra.

E assim sendo, as perdas de aeronaves são ínfimas, em se tratando de uma guerra.

Angelo Nicolaci
Angelo Nicolaci
10 anos atrás

Pra quem diz que super tucano não é adequado no Afeganistão leia trecho de materia sobre ele, a fonte esta no link abaixo: Todos esses sistemas são controlados de uma cabine especialmente feita para facilitar a vida do piloto, podendo ser considerada, também a mais moderna cabine de um avião turboélice em serviço atualmente. Nesta cabine há dois displays multifunção e um HUD que conta com todas as informações de navegação de monitoramento do alvo, incluindo aqui o ponto de impacto continuamente monitorado CCIP e o ponto de lançamento continuamente computado CCRP, o que aumenta, substancialmente a precisão do lançamento… Read more »

Marcos T.
Marcos T.
10 anos atrás

Tenho uma foto de um desses armado até os dentes, é impressionante a capacidade de carga desse bicho aí.

Rui Silva
Rui Silva
10 anos atrás

Lucas Calabrio e Angelo Nicolaci Têm montanha dessa altura no Afeganistão, em relação ao resto eu não ponho em causa as qualidades do Tucano já comprovadas em várias acções só achando que tendo em conta as forças em presença é muito mais eficiente usar um Apache para apoio directo às tropas no terreno ( o avião passa faz uma largada sobre o alvo e tem de dar a volta enquanto o helicóptero de ataque pode manter o alvo sob mira).Obrigado pelos links, uma das minhas objecções não tinha razão de ser e surpreendeu-me as 6.30 de persistencia em patrulha o… Read more »

Rui Silva
Rui Silva
10 anos atrás
Lucas Calabrio
Lucas Calabrio
10 anos atrás

Prezado Rui Slva Quando esive em 1996 em Mérida na Venezuela (existem mais duas uma na Espanha e no México) que é uma cidade basicamente universitária e é uma cidade muito interessante pois a altitude varia entre 1200 a 2400m e lá está o teleférico, que possui 4 etapas, é o mais longo e o mais alto do mundo, com uma subida de 12,5 km! Chega-se a uma altura de 4765 metros sobre o nível do mar. Quero dizer o seguinte é que não cheguei na última etapa pois estava em reforma porém cheguei a mais de 4000m e não… Read more »

Lucas Calabrio
Lucas Calabrio
10 anos atrás

Bom caça britânico mas caiu mais um deste no Afeganistão
primeiro foi o f-15 depois um helicoptéro russo M-8 agora um tornado
parece que tão sabotando antes da arena de combate.
sds
http://moraisvinna.blogspot.com/2009/07/cai-um-tornado-gr4-britanico-no.html

LBacelar
LBacelar
10 anos atrás

Isso me lembra a invasão soviética no afeganistão, quando aviões russos se acidentavam misteriosamente durante o pouso ou decolagem. Após os russos investigarem, descobriram que rebeldes mujaheedin esperavam esse momento critico para o avião e atiravam nos pilotos nos cockpits usando rifles Dragunov…

Será que tem caroço nesse angu?

Jonas Rafael
Jonas Rafael
10 anos atrás

Apoio aéreo não seria tarefa de uma aeronave mais manobrável em baixa velocidade?

Lucas Calabrio
Lucas Calabrio
10 anos atrás

Prezados
Posso está muito enganado, mas creio que em guerra assimétrica o ideal seria o super tucano e creio que não fica nada a dever pros caças modernos para esse tipo de teatro de operação.
Ë o caça turboélice mais avançado atualmente vejam este site.
http://aircombatcb.blogspot.com/2008/02/embraer-at-29-super-tucano-os.html

Rogerogert
Rogerogert
10 anos atrás
Patriota
Patriota
10 anos atrás

Pessoal parece que em breve virão helis de ataque para o EB , http://defesabrasil.com/site/index.php/Noticias/Defesa/Brasil-negocia-mais-helicopteros-russos.html Achei a noticia bem interessante , tenho grande admiração por helis de fabricação russa e acho que o Kamov 50 black shark seria uma escolha espetacular poderiamos ter um dos mais poderosos helicopteros de ataque do mundo. vejam só a ficha tecnica Velocidade máxima: 340 Km/h Velocidade de cruzeiro: 310 Km/h Alcance: 460 km, 1160 Km de transalado Razão de subida vertical: 600 m/min Fator de carga: +3.5 Altitude maxima: 5500 m Armamento: Um canhão 2A42 de 30 mm, 12 mísseis AT-16 Vikhr antitanque, 2 casulos… Read more »

Mauricio R.
Mauricio R.
10 anos atrás

“Posso está muito enganado, mas creio que em guerra assimétrica o ideal seria o super tucano…”

No Afeganistão o A-10 “Warthog” tem feito excelente trabalho, sem ser tão sofisticado.

Marcelo Tadeu
Marcelo Tadeu
10 anos atrás

O Tornado já pode ser considerado um avião antigo, mas, o bichão ainda impõe respeito, né não?

sds

Angelo Nicolaci
Angelo Nicolaci
10 anos atrás

Seria uma ótima oportunidade para a Embraer oferecer a titulo de leasing alguns super tucanos para os aliados no Afeganistão, pois seria uma excelente vitrine, pois é uma aeronave concebida para esse teatro e de baixo custo operacional e excelente desempenho

Rui Silva
Rui Silva
10 anos atrás

Lucas Calabrio Acho dificil no terreno afegão em que as montanhas são altissimas sendo o apoio aèreo aproximado proporcionado por aviões a grande altitude usando armamento inteligente,o Tucano não têm proteção blindada como um A-10 ou um su-25 para resistir a uma metralhadora pesada escondida num barranco,use o gogle earth para ver o tipo de terreno que encontra no Afeganistão. Durante a ocupação soviética uma das principais vulnerabilidades dos aparelhos era a falta de armas inteligentes tendo de voar a altitudes baixas , muitas vezes abaixo dos picos mais altos. Para o tipo de apoio que o Tucano poderia proporcionar… Read more »

Lucas Calabrio
Lucas Calabrio
10 anos atrás

Prezado Rui Silva
O teto operacional do super tucano é de 6.000m mas ele é blindado contra metralhadora .5
http://aircombatcb.blogspot.com/2008/02/embraer-at-29-super-tucano-os.html
sds

Fábio Max
10 anos atrás

Penso que o Afeganistão é uma guerra. Assimétrica, mas uma guerra.

E assim sendo, as perdas de aeronaves são ínfimas, em se tratando de uma guerra.

Angelo Nicolaci
Angelo Nicolaci
10 anos atrás

Pra quem diz que super tucano não é adequado no Afeganistão leia trecho de materia sobre ele, a fonte esta no link abaixo: Todos esses sistemas são controlados de uma cabine especialmente feita para facilitar a vida do piloto, podendo ser considerada, também a mais moderna cabine de um avião turboélice em serviço atualmente. Nesta cabine há dois displays multifunção e um HUD que conta com todas as informações de navegação de monitoramento do alvo, incluindo aqui o ponto de impacto continuamente monitorado CCIP e o ponto de lançamento continuamente computado CCRP, o que aumenta, substancialmente a precisão do lançamento… Read more »

Marcos T.
Marcos T.
10 anos atrás

Tenho uma foto de um desses armado até os dentes, é impressionante a capacidade de carga desse bicho aí.

Rui Silva
Rui Silva
10 anos atrás

Lucas Calabrio e Angelo Nicolaci Têm montanha dessa altura no Afeganistão, em relação ao resto eu não ponho em causa as qualidades do Tucano já comprovadas em várias acções só achando que tendo em conta as forças em presença é muito mais eficiente usar um Apache para apoio directo às tropas no terreno ( o avião passa faz uma largada sobre o alvo e tem de dar a volta enquanto o helicóptero de ataque pode manter o alvo sob mira).Obrigado pelos links, uma das minhas objecções não tinha razão de ser e surpreendeu-me as 6.30 de persistencia em patrulha o… Read more »

Lucas Calabrio
Lucas Calabrio
10 anos atrás

Prezado Rui Slva Quando esive em 1996 em Mérida na Venezuela (existem mais duas uma na Espanha e no México) que é uma cidade basicamente universitária e é uma cidade muito interessante pois a altitude varia entre 1200 a 2400m e lá está o teleférico, que possui 4 etapas, é o mais longo e o mais alto do mundo, com uma subida de 12,5 km! Chega-se a uma altura de 4765 metros sobre o nível do mar. Quero dizer o seguinte é que não cheguei na última etapa pois estava em reforma porém cheguei a mais de 4000m e não… Read more »

Rui Silva
Rui Silva
10 anos atrás
trackback
10 anos atrás

[…] Tornados da RAF prontos para usar a Paveway IV […]