terça-feira, setembro 21, 2021

Gripen para o Brasil

Array

Chegou o primeiro C-130 da Polônia

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

C-130 polonia

A Força Aérea da Polônia recebeu o seu primeiro C-130E de segunda-mão no último dia 24 de março na Base Aérea de Powidz. Através do US Foreign Military Financing, a Polônia adquiriu cinco aeronaves desse tipo a um custo de 98,4 milhões de dólares. Todas serão entregues até 2010.

As aeronaves foram originalmente entregues em 1970 e pertenciam ao 14th Air Transport Squadron. Os aviões serão revisados pela L-3 Communications Integrated Systems em Waco, Texas. Com estas mudanças, espera-se que os Herculas poloneses ainda voem por mais 20 anos (!), considerando uma média de 600 horas/ano. Outras mudanças incluem a instalação de RWR, blindagem em alguns pontos e um novo radar meteorológico.

A Polôna aposentou sua frota de Antonov An-26 dois meses atrás e os Hercules ocuparão este nicho. Na área de transporte tático, a Força Aérea da Polônia ainda possui nove EADS Casa C-295s e espera receber outros dois em breve.

FOTO: Lotnictwo.net

- Advertisement -

18 Comments

Subscribe
Notify of
guest
18 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Jacubão

1970??? Operar por mais 20 anos???? Cruz credo. E eu pensando que só os nossos fossem velhinhos, se esperassem mais um pouco ou participassem do projeto C-390…

Leo

50 anos???? jesus!!!

Paulo Renato

Olha o nosso C390 podendo ser comprado por eles !!!!!!!!

Até sair o projeto e o primeiro modelo do C390, aind avai demorar e sentar e esperar.

Abs.

Adhelfi_zerouno

Uma perguntinha básica, porque será que quem já usou material russo assim que pode corre para o ocidental? Essa é só para afinetar os amantes do material russo.

Marcos T.

Gosto muito das Armas Russas, más é igual a compra carro zero sem garantia nenhuma.

“Se quebrar, quebrado fica”.

Péssimo negócio.

Marco

Adhelfi_zerouno a Polonia bem como os restantes elementos da NATO não devem (em principio) comprar equipamentos que não provenham de outros elementos da aliança, além de que a Polonia tem diversos diferendos com a Russia ( relação tipo Venezuela e EUA), daí que nunca iriam comprar armamento russo.
Talvez por estas razões sempre que armamento russo é vendido a um país da NATO a TV Russa faz alto festaço, uma vez que é um adversário da aliança atlantica e mesmo assim consegue vender seu armamento.
Um abraço

Fábio Max

Essa aeronave é uma das mais importantes da história. Ficar 50 anos operando, é prova de suas enormes capacidades.

[…] A Lockheed Martin noticiou na última quarta-feira, 7 de abril, que representantes da USAF / USAFE receberam a primeira de 14 novas aeronaves de transporte C-130J Super Hercules, alocadas à base aérea de Ramstein, na Alemanha. Na cerimônia, o comandante da USAFE, Gen. Roger Brady, destacou em seu discurso que as novas aeronaves são vitais ao esforço de transporte aéreo na luta contra o terrorismo e em operações humanitárias por todo o mundo, proporcionando maior capacidade para a USAFE cumprir essas missões, até agora realizadas por aviões C-130E. […]

Marcelo

Armas russas são iguais aqueles carros Lada quem comprou não achava peça e tinha improvisar com peças de corcel pro carro funcionar.
Imagina se o brasil compra caças russos e o´pessoal de logistica da FAB vai começar a visitar desmanches pra verse tem alguma peça de corcel pra colocar nos aviões.

Marcelo

Armas russas são iguais aqueles carros Lada quem comprou não achava peça e tinha improvisar com peças de corcel pro carro funcionar.
Imagina se o brasil compra caças russos e o´pessoal de logistica da FAB vai começar a visitar desmanches pra verse tem alguma peça de corcel pra colocar nos aviões.

Jacubão

1970??? Operar por mais 20 anos???? Cruz credo. E eu pensando que só os nossos fossem velhinhos, se esperassem mais um pouco ou participassem do projeto C-390…

Leo

50 anos???? jesus!!!

Paulo Renato

Olha o nosso C390 podendo ser comprado por eles !!!!!!!!

Até sair o projeto e o primeiro modelo do C390, aind avai demorar e sentar e esperar.

Abs.

Adhelfi_zerouno

Uma perguntinha básica, porque será que quem já usou material russo assim que pode corre para o ocidental? Essa é só para afinetar os amantes do material russo.

Marcos T.

Gosto muito das Armas Russas, más é igual a compra carro zero sem garantia nenhuma.

“Se quebrar, quebrado fica”.

Péssimo negócio.

Marco

Adhelfi_zerouno a Polonia bem como os restantes elementos da NATO não devem (em principio) comprar equipamentos que não provenham de outros elementos da aliança, além de que a Polonia tem diversos diferendos com a Russia ( relação tipo Venezuela e EUA), daí que nunca iriam comprar armamento russo.
Talvez por estas razões sempre que armamento russo é vendido a um país da NATO a TV Russa faz alto festaço, uma vez que é um adversário da aliança atlantica e mesmo assim consegue vender seu armamento.
Um abraço

Fábio Max

Essa aeronave é uma das mais importantes da história. Ficar 50 anos operando, é prova de suas enormes capacidades.

[…] A Lockheed Martin noticiou na última quarta-feira, 7 de abril, que representantes da USAF / USAFE receberam a primeira de 14 novas aeronaves de transporte C-130J Super Hercules, alocadas à base aérea de Ramstein, na Alemanha. Na cerimônia, o comandante da USAFE, Gen. Roger Brady, destacou em seu discurso que as novas aeronaves são vitais ao esforço de transporte aéreo na luta contra o terrorismo e em operações humanitárias por todo o mundo, proporcionando maior capacidade para a USAFE cumprir essas missões, até agora realizadas por aviões C-130E. […]

Últimas Notícias

Pintura comemorativa nas aeronaves da RSAF no 91º Dia Nacional da Arábia Saudita

O 91º Dia Nacional da Arábia Saudita contou com a apresentou das aeromaves Eurofighter Typhoon, Tornado, F-15C Eagle e...
- Advertisement -
- Advertisement -